alimentos saudaveis

Tendências 2018: Alimentos Saudáveis

Ano Novo chegou, e com ele novas escolhas e objetivos.

Já sabemos que o que  colocamos em nossos corpos tem um enorme efeito sobre nossa saúde, energia, como nos sentimos e nossa  longividade.

Por este motivo, andei pesquisando sobre as  tendências alimentares saudáveis para este ano, e gostaria de compartilhar com vocês os meus favoritos e alguns que o Whole Foods e The Specialty Food Association – uma associação comercial composta por artesãos de alimentos, importadores e empresários – lançaram em seus relatórios anuais de tendências alimentares.

  1. Sabores florais 

Flores como rosa, lavanda e sabugueiro (elderflower) tem potentes efeitos terapêuticos e vão bem com seus deliciosos sabores e cores. Espere encontrar em bebidas, snacks, sobremesas e muito mais.

2)  –  Cogumelo funcional

Segundo Whole Foods, os cogumelos funcionais serão uma das maiores tendências de 2018,  e uma grande parte desse interesse é porque alguns cogumelos são ditos capazes de aumentar a função cerebral, especificamente melhorar a capacidade de inteligência, concentração, memória e combater os efeitos mentais do envelhecimento.

3) – Alternativas saudáveis / artesãs sem glúten

No passado, os alimentos sem glúten eram tipicamente altamente processados e preenchidos com uma variedade de ingredientes artificiais. Mas a demanda por alternativas sem glúten não está diminuindo. Devido a esta demanda, há um aumento na disponibilidade de alternativas saudáveis e artesanais sem glúten. Muitas padarias começaram a vender pães frescos sem glúten e cadeias de restaurantes italianos estão oferecendo cada vez mais pastas e pizzas sem glúten.

4) – Animais criados em pastagem

“Grass-fed” não  significa apenas carne de boi. Com  o interesse no bem estar dos animais, na proteção do meio ambiente e  nos benefícios nutricionais do que seja grass-fed, as pessoas estão optando por este tipo de alimentos incluindo ovos, leite, manteiga e queijo, além de carne.

5) – Kefir

Bebida probiótica, pode ser feita da fermentação do leite ou água. Seu gosto assemelha-se ao do iogurte natural. A bebida pode ser misturada a frutas ou a cereais, pode-se preparar shakes com ela, e acrescentar a muitas outras receitas.

6) –Alimentos na tijela (Food Bowl)

Do favorito Açai Bowl até ao Bibimbap vegetariano, a tendência para os alimentos de tigela está aumentando. Preparados na hora e fáceis de comer (normalmente exigem apenas um utensílio), esses “food bowls”  são perfeitos para aqueles que querem se manter saudáveis, apesar da nossa correria de vida. Esperem comer mais em tigelas em 2018.

7) – Transparência na rotulagem do produto

Os consumidores estāo querendo  saber de onde vem seu alimento, se é orgânico, se provem de Comércio Justo, de criação de pastagens e livre de gaiolas, etc. Assim, mais do que nunca, o rótulo terá de informar como  produtos básicos são cultivados, criados e fabricados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>