carolina ferraz capa 201804 (4)

No maravilhoso mundo de Carolina Ferraz

Por Marisa Abel

Carolina Ferraz é sinônimo de maturidade, modernidade, é super ativa, talentosa que vive a vida com amor e sucesso.

Ao ouvir a voz da Carolina nessa entrevista que fiz para você, querido leitor, confesso que fiquei emocionada! Sempre acompanhei e admirei o trabalho da atriz, que na minha modesta opinião é  elegante, talentosa e linda.

carolina ferraz capa 201804 (5)

Além de ter representado diversos personagens que fizeram parte da história da TV e do teatro brasileiro, a nossa musa deste mês também é apresentadora, já foi modelo e atualmente está escrevendo mais um livro. São inúmeros trabalhos na TV, no cinema e no teatro; na TV atuando como apresentadora e tmabém como atriz em diversas novelas. Por falar em novela e das personagens que representou vale a pena lembrar da Milena, da novela “Por Amor”, a Lucinha de “Pecado Capital”, mas ninguém esquece do bordão “Eu sou rica” da personagem Norma Gusmão, em “Beleza Pura”.

Sim Carolina, você é rica em talento, em cultura e carisma, e sempre lembraremos com carinho da Júlia, de “Amores Possíveis”! Para quem está com saudade da atriz nas telonas, esse ano ela grava mais um filme, está em cartaz com uma peça de teatro em SP e ainda lançará mais um livro. Confira tudo com a entrevista exclusiva a seguir!

Carolina, seu currículo profissional é extenso e de muito sucesso. Fale um pouco sobre as atuações que você tem um carinho especial e o motivo.

É dificil falar sobre as minha atuações, eu tenho carinho por todas as personagens, né? E a gente acaba se apaixonando pelo personagem que a gente está fazendo no momento, eu estou muito feliz com a personagem Vania, no espetáculo “Que tal nós dois”, texto de Otávio Martins e Juliana Araripe e direção de Isser Korik em cartaz no Teatro Folha em São Paulo, a gente está aqui de sexta à domingos.

carolina ferraz capa 201804 (3)

Você é símbolo de mulher moderna, 50 anos e linda! Qual sua opinião sobre a mulher moderna e os desafios da atualidade?

Fico feliz em ser considerada uma mulher moderna, que bom! Feliz mesmo! Para mim é uma honra na verdade. Eu acho que as dificuldades são inúmeras, porque a sociedade se modernizou, temos muitos fatores que faciliam a vida moderna e tem outros que dificultam muito. Essa explosão das Mídias Sociais, a questão da Internet, elas acabam de uma certa maneira facilitando muitas coisas, mas nos afastam muitas de outras também, acho que é um momento interessante onde a gente acaba se voltando para os valores que realmente importam, para as coisas que a gente quer transmitir ao outro, aos nossos filhos, à nossa família, porque é muito fácil colocar ideias para fora, então eu sou uma pessoa, e falando no meu caso em particular, na minha modesta opinião, que tenta se expressar com responsabilidade, com seriedade, e eu gostaria de passar uma imagem correta, no que eu acredito e uma imagem que seja compatível com as coisas que eu penso, acho que isso é que no fundo faz ser as pessoas o que elas são, né? Cada um a sua maneira, você conseguir se expressar da forma mais verdadeira possível, acho que esse é o grande barato da vida moderna.

Na sua opinião, quais “super poderes” as mulheres deveriam usar mais em favor de uma sociedade com menos preconceitos?

Eu acho que uma sociedade justa é uma sociedade que de fato oferece oportunidades iguais para todos, eu acho que não basta investir na criança, ao você investir na criança você tem estruturas tem de criar escolas, investir em transporte, em saúde, criar uma sociedade segura na qual você possa caminhar nas ruas com seus filhos sem o medo de ser assaltado ou de ser agredido. Investir na criança é investir em todos, no momento exato no qual as pessoas perceberem que o bem só é bem de fato quando ele é coletivo, ou seja, melhorias para todos da socidade de modo gera, ai sim eu acho que a gente vai conseguir se sentir SUPER PODEROSO, eu acho que ainda existe machismo, ainda existe preconceito com a mulher, nós estamos atentas, nós estamos unidas, nós nunca estivemos tão acordadas para a questão e buscando encontrar alternativas e soluções. Eu acredito mesmo que as coisas de fato irão melhorar e quando elas melhorarem todos irão se beneficiar dessa melhora.

carolina ferraz capa 201804 (2)

Hoje, quais são suas atividades profissionais?

Muitas, estou lançando o livro “Na cozinha com Carolina 2”, o lançamento será no dia 26 de abril em todas as livrarias do Brasil, além disso estou com o espetáculo de teatro “Que tal nós dois”, que estreou dia 2 de Março, vamos viajar por dois meses e em Julho voltar à São Paulo. Eu estou desenvolvendo um projeto no qual atuo como apresentadora, é um programa dinâmico que vou unir e comentar vários assuntos, entre eles a culinária. Esse ano estou dedicada ao teatro mesmo, ao programa e ao livro, também irei gravar, em Setembro, um longa que se chama “Chance”, ou seja vai ser um ano corrido!

O que você nunca gostaria de deixar de fazer na vida pessoal e profissional?

Eu gostaria de nunca deixar de lado as minhas aulas de balé, na vida pessoal, mas nem sempre eu consigo. Eu gosto muito de fazer balé, tenho um professor maravilhoso, e eu me solto assim, nossa, quando eu vejo aquela barra, as sapatilhas eu já fico numa alegria louca, e isso eu gostaria de não deixar de fazer, espero conseguir manter isso. E profissionalmente eu não gostaria de parar, eu quero trabalhar sempre, eu quero estar ativa, viva, quero estar conectada com as coisas novas, modernas, e me rejuvenescer, eu quero me conectar com coisas que me mantenham atual, tá bom? É isso que que gostaria.

Nas suas viagem para NY, quais são as atividades favoritas por aqui?

Em Nova York o melhor programa é caminhar, se perder e achar! E tudo aquilo que é viver! Nova York é com comer, é bom ir ao cinema, é bom ir ao teatro, é bom fazer compras ou simplesmente andar de bicicleta, Nova York tudo é bom! Eu gosto bastante da cidade, de entender a diferença de um bairro para outro, conhecer os tipos de pessoas que moram ali. São tantos universos em NY, é um lugar que a gente nunca se canse e eu gosto muito!

carolina ferraz capa 201804 (1)

O ser humano é uma caixa de sentimentos e emoções o tempo todo, quais são os que te acompanham na maior parte de seu tempo?

Acho que sãos os nascimentos das minhas filhas, da Valentina e da Izabel, a coisa mais importante que já fiz, que tenho e presenciei é a existência destes dois seres lindos que amo tanto! Como a maternidade me fez bem (Izabel faz um som alto de fundo), tá vendo, ó, olha a voz da baixinha no fundo (risos), é uma alegria só!

Como você se define hoje?

Hoje me defino como uma mulher madura, feliz, realizada, que sempre na vida enfrenta desafios e sei que ainda hei de enfrentar outros que virão, porque a vida continua né? E sempre apresenta surpresas, às vezes boas, às vezes ruins, mas eu me considero uma pessoa de bem, que eu me tornei, com a vida que tenho, com a família que construi, está tudo bem, é isso que eu penso, penso que está tudo bem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>