bolsonaro

Política BR: Novo Presidente

Jair Bolsonaro foi eleito próximo presidente do Brasil e assume o cargo em 2019

Por Carol Contri

Cercado de muitas polêmicas e uma campanha cheia de altos e baixos, o novo presidente do Brasil, Jair Messias Bolsonaro (PSL), foi eleito com 55,13% dos votos válidos no segundo turno, realizado no dia 27 de outubro, contra 44,87% do seu adversário, o ex-prefeito da cidade de São Paulo, Fernando Haddad (PT). Bolsonaro tomará posse apenas no dia 01 de janeiro de 2019, mas já vem dando os primeiros passos do que será seu governo, como a nomeação do juiz Sérgio Moro – grande responsável pela operação Lava Jato contra a corrupção, responsável pela prisão do ex-presidente Lula (PT) – como ministro da justiça.

Vale lembrar que a cerimônia de posse contará com diferentes eventos que acontecerão todos no mesmo dia, a começar por uma missa na Catedral de Brasília pela manhã. O percurso até a igreja é acompanhado por batedores da Polícia do Exército e fuzileiros navais. Durante a campanha para a presidência, o então candidato, foi vitima de um ataque em Juiz de Fora, Minas Gerais. Atingido por uma faca no abdômen, Bolsonaro passou por diversas cirurgias de risco.

Carreira política
O Bolsonaro é militar da reserva, filiado ao Partido Social Liberal (PSL) e foi deputado federal por sete mandatos entre 1991 e 2018, sendo eleito através de diferentes partidos ao longo de sua carreira. Formou-se na Academia Militar das Agulhas Negras em 1977 e serviu nos grupos de artilharia de campanha e paraquedismo do Exército Brasileiro. Tornou-se conhecido do público em 1986, quando escreveu um artigo para a revista Veja onde criticava salários de oficiais militares. Por causa disto foi preso por quinze dias, apesar de ter recebido cartas de apoio de colegas do exército. Foi absolvido dois anos depois. Bolsonaro ingressou na reserva em 1988, com o posto de capitão, para concorrer à Câmara Municipal do Rio de Janeiro naquele ano. Foi eleito vereador pelo Partido Democrata Cristão. Em 1990, candidatou-se a deputado federal pelo estado do Rio de Janeiro. Foi o candidato mais votado, com apoio de 6% do eleitorado fluminense (464 mil votos), sendo reeleito por seis vezes. Durante seus 27 anos na Câmara dos Deputados, ficou conhecido por ter uma personalidade controversa, por conta de suas visões políticas

Protestos
Por conta de suas declarações polêmicas sobre assuntos sociais, feminismo e movimento LGBT, as redes sociais foram tomadas pela campanha #ELENÃO, que iniciado por mulheres contrárias às propostas do canditado, reuniu expressivas manifestações nas ruas acontecendo em diferentes cidades também fora do Brasil, como Nova Iorque, Barcelona, Berlim, Lisboa e Paris.

Propostas e Posição Política
Selecionamos algumas das propostas do novo presidente, para saber mais e ter acesso a todos os programas apresentados ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) visite o site do TSE. (Informações da Agência Brasil)

Segurança e direitos humanos
Bolsonaro defende a liberdade de escolhas “desde que não interfiram em aspectos essenciais da vida do próximo”. Segundo ele, essa liberdade deve alcançar escolhas afetivas, políticas, econômicas ou espirituais e acrescenta que uma nação mais fraterna e com menos excluídos é mais forte.

Economia
Uma das principais propostas é a privatização ou extinção de estatais. Segundo Bolsonaro, a ideia é reduzir o pagamento de juros, que custaram R$ 400,8 bilhões em 2017, com a venda de ativos públicos. Em relação à reforma da Previdência, defende a implantação, no país, de um modelo privado de capitalização do setor. Como proposta para o sistema tributário do país, o programa fala em unificar impostos e simplificar o sistema de arrecadação de tributos

Ciência e tecnologia
Para Bolsonaro, o modelo de pesquisa e inovação no Brasil está “esgotado”. Em vez de os recursos do setor serem organizados por Brasília, defende o fomento de “hubs” tecnológicos nos quais universidades se aliam à iniciativa privada “para transformar ideias em produtos”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>