Global Cup Texas (4)

Time Brasileiro Vence Global Cup no Texas

textos por Marisa Abel | fotos por Steven Mitt

A GLOBAL CUP fez a sua estreia em solo americano e o Brasil, mais uma vez, deu show nas arenas e mostrou que os cowboys brasileiros são duros na queda!

O evento aconteceu dias 9 e 10 de fevereiro e nossa equipe esteve lá e fez uma cobertura especial com imagens e entrevistas exclusivas para vocês. A Global CUP é diferente de qualquer outro evento de montaria em touros no esporte ocidental. No lugar da glória individual, os atletas se unem em equipes, competindo pelo orgulho nacional e pelo título de Toughest Nation on Dirt.

Pelo segundo ano consecutivo foram os brasileiros que dominaram os touros com muita garra, determinação e levaram o troféu pra casa! Sim, o Brasil é bi-campeão como Toughest Nation on Dirt. Das 18 montarias destinadas ao Brasil eles completaram 11, o que lhes rendeu maior número de pontos e a vitória nas arenas. O brasileiro José Vitor Leme fez uma excelente e conquistou a montaria de maior pontuação do time verde-amarelo, 90 pontos enfrentando o touro Frequent Flyer. Já a estrela de Eduardo Aparecido brilhou mais forte ao finalizar com maestria os oito segundos em cima de cada um dos touros que dominou! 100% de aproveitamento de Eduardo, que fez muita diferença na conquista do título.

Em entrevista, Renato Nunes, técnico do time brasileiro disse que, embora o Brasil tenha muitos atletas talentosos e competentes competindo na PBR americana, ele tinha de escolher apenas oito profissionais para a Global CUP, decisão difícil, porém levou em consideração a pontuação deles nas etapas recentes da PBR e foi assim que formou sua seleção de campeões. O paulista Kaique Pacheco, campeão mundial de 2018, mostrou foco, garra e determinação e o evento no Texas foi seu retorno às arenas depois de algumas semanas de recuperação após a vitória em Las Vegas, em novembro do ano passado. Parabéns a equipe bi-campeã da Global Cup: Renato Nunes, Kaique Pacheco, Claudio Montanha Jr, José Vitor Leme, João Ricardo Vieira, Fernando Henrique Moraes, Bruno Scaranello, Marco Eguchi e Eduardo Aparecido.

Times que disputaram a Global CUP

Enquanto as equipes da Austrália, Brasil, Canadá e México tiveram o objetivo comum de derrotar a equipe dos EUA em casa, a nação anfitriã teve uma vantagem competitiva única. A equipe dos EUA contou com dois times distintos, os Eagles e os Wolves, sendo que os Wolves foram a primeira equipe totalmente nativa americana a competir em um evento esportivo da liga principal na história moderna! Fiquem conectados no meu canal do YouTube e assista às montarias, a vitória do Brasil, a celebração e muito mais. Em breve tem mais vídeos, notícias e imagens excluisvas para vocês.

www.youtube.com/mabelzinha06

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>