Marcos Jacober capa 201910 (6)

Marcos Jacober: Sinônimo de Sucesso

Marcos Jacober conquistou o tão almejado sonho americano através de muita dedicação e trabalho duro

Investidor, autor, palestrante internacional e professor, Marcos Jacober tem uma história de superação e sucesso que deve ser sempre compartilhada. Com apenas 100 dólares no bolso, o brasileiro chegou aos Estados Unidos e foi removendo todas as pedras no caminho para se tornar referência no mercado de investimento imobiliário. Confira nessa entrevista toda a trajetória dele!

ALÔ VOCÊ MAGAZINE: Vamos começar pela sua chegada aos EUA. Como foi esse processo, sair do Brasil e ir para um país diferente atrás de novos sonhos?

Marcos Jacober: Hoje tenho consciência de que tudo foi produto do processo de manifestação. Nada e criado fora deste processo. O processo de manifestação se resume no seguinte: pensamento gera sentimento, que gera ação, que gera um resultado (P+S+A=R). Desde de pequeno eu tinha uma paixão inexplicável pelos EUA e me lembro o dia que pensei: “Um dia me mudo pra lá”. Porém, baseado na realidade que eu vivia no Brasil seria algo impossível. Mas como o universo conspira por meios inimagináveis, acabei chegando aos EUA 18 anos depois com 100 dólares no bolso e com o dinheiro da passagem emprestado em busca do sonho americano. Hoje, depois de ter estudado, dominado e atualmente compartilhando princípios de sucesso, consigo olhar pra trás e identificá-los em cada momento da minha jornada e entender como esses princípios foram responsáveis para o meu estágio atual.

A.V.M.: Você diz que levou apenas 100 dólares. A batalha inicial foi difícil?

M.J.: Sim, no início não foi fácil e o fato de ter um capital baixo fez com que eu chegasse aqui já em estado de emergência, cheguei buscando tudo e aceitando qualquer coisa. Quando o ser humano se depara com uma situação de “vai ou racha” e o instinto de sobrevivência é acionado, conseguimos alcançar o imaginável e isso se da pelo fato de conseguirmos acionar nossos recursos. Quando digo recursos, não me refiro a dinheiro, mas aos verdadeiros recursos humanos: criatividade, garra, gratidão e, com isso, a motivação aflora e os obstáculos se tornam pequenos perto do objetivo. Com muita vontade, foco e determinação, sempre buscando o próximo emprego que pagasse um pouco mais, eu consegui depois de um ano e meio ter meu próprio restaurante com 13 empregados. Ye’s, esta é mais uma faceta que poucos sabem, eu estudei artes culinárias aqui depois que comprei meu restaurante e fui chefe de cozinha.

A.V.M.: De motorista de caminhão a investidor, como foi essa transação?

M.J.: Esse evolução foi demorada e ao mesmo tempo rápida, calma eu explico. Os EUA é o pior lugar para se trabalhar, mas é o melhor lugar para empreender. Como sempre tive uma veia empreendedora, isso me ajudou muito. Desde o início eu foquei nos três pilares de geração de riqueza. O primeiro pilar é ter seu próprio negócio. Eu nunca vi ninguém ficar rico trabalhando para alguém. O segundo é investir em ações, e o terceiro é o investimento imobiliário. Como sempre tive a crença limitada de que eu não era muito bom com números, eu decidi iniciar primeiramente por ter meu negócio próprio, e um ano e meio depois que cheguei aos EUA eu já tinha meu próprio restaurante com 13 funcionários. Fiquei com esse negócio por dois anos. Me mudei para a Flórida, onde comecei a dirigir caminhões como contractor para a FEDEX e ao mesmo tempo fazia meus investimentos imobiliários. Entre os anos de 2000 a 2004 eu já tinha 12 propriedades. Nesse tempo um amigo me deu um livro falando sobre uma forma diferente de investir em imóveis chamado “Tax Lien E Tax Deed”. Eu coloquei esse livro no meu escritório e esse livro ficou lá por 5 anos, pelo simples fato de acreditar que eu já sabia tudo sobre real Estate e não precisava aprender mais nada. Continuei a investir da maneira que eu sabia e por volta e 2007 eu perdi 16 das 17 propriedades com a crise imobiliária. Eu, que seis meses antes havia me aposentado, tive que voltar a dirigir caminhão. Um dia limpando meu escritório eu encontrei o livro , decidi ler e esse livro abriu minha mente e possibilitou a ponte para que eu reescrevesse minha história.

A.V.M.: Quão gratificante foi passar por tudo isso?

M.J.: Gratidão imensa! Eu acredito que na vida as coisas acontecem para nós e não contra nós. Quando olho para trás, toda dificuldade, todos os desafios, tudo aquilo que passei, enfim os altos e baixos, serviram para me preparar para algo maior, inclusive para missão que tenho hoje de inspirar e motivar as pessoas. Hoje faço o que gosto, ensino por opção e não por necessidade. Só quem tem o privilégio de fazer o que gosta tem ideia de como me sinto. Meu único arrependimento é de não ter lido o livro cinco anos antes, assim que ganhei de presente. Isso representa as vezes como tratamos as oportunidades em nossas vidas.

A.V.M.: Hoje você é um dos grandes cabeças por trás do mercado imobiliário, qual grande segredo do sucesso nesse ramo?

M.J.: O primeiro segredo do sucesso, não só nesse ramo, mas como em qualquer outro é entender que o sucesso deixa pistas. Então, isso nos deixa duas opções: tentar fazer sozinho e aprender errando ou buscar um mentor. Alguém que já tem o sucesso que queremos alcançar e que pode, através da experiência, encurtar nosso caminho e, o mais importante, evitar que cometamos erros. Eu costumo dizer que mentores não são pra nos dizer o que fazer, mas sim para nos dizer o que não fazer. Outro fator é ter paciência, nada acontece da noite para o dia. Como vivemos em uma era imediatista, você ordena algo hoje e no dia seguinte está na sua porta, você manda uma mensagem pra alguém e a expectativa e que essa mensagem seja respondida em 30 segundos. Inconscientemente trazemos esse comportamento para os negócios. E ao começar a executar as estratégias nossa expectativa é de que as coisas aconteçam em um piscar de olhos. E isso afeta o terceiro fator de sucesso, a persistência. Pelo fato de não terem o resultado na mesma velocidade que um pedido da Amazon, isso acaba afetando nossa persistência. E acabamos desistindo

A.V.M.: Em suas palestrar qual principal mensagem que você passa?

M.J.: O SONHO AMERICANO EXISTE!!!!!!! Existem maneiras de reescrever sua história. Esse cara que está aqui respondendo a essas perguntas, que hoje viaja o mundo palestrando, que escreveu livro, fez mais de 1000 negócios, que tem tempo pra família, que faz o que gosta, que é livre financeiramente e geograficamente foi criado. Esse Marcos não existia, esse Marcos dirigia caminhão 12 horas por dia. Eu tomei a decisão e decidi fazer o que é necessário para reescrever minha história. Se eu pude, por que você também não pode? Até aqui não existe nada de novo, todo palestrante motivacional e coaches falam isso. O meu diferencial é que uma vez que você entendeu isso, eu passo a compartilhar estratégias específicas pra que você tenha condições de realmente reescrever a sua história . Falar que você pode é uma coisa, agora quero ver mostrar como fazer. Esse é meu diferencial, compartilhar as estratégias que eu encontrei e executei. Nós estamos vivendo na melhor Era pra se fazer dinheiro não só nos EUA, mas no mundo todo.

A.V.M.: Quais foram as maiores lições que você aprendeu na sua evolução profissional?

M.J.: Você é a média das cinco pessoas que passam a maior parte do seu tempo. Se você fizer uma pesquisa e perguntar quanto seus amigos mais próximos ganham você ira perceber que você está ou 15% acima ou 15% abaixo da média. As pessoas com as quais você se relaciona tem um impacto direto no seu extrato bancário. É preciso se cercar das pessoas corretas , que tenham o mesmo objetivo que você e que de certa maneira estejam a sua frente. A segunda lição é que nosso nível de sucesso financeiro está diretamente relacionado com o nível de crescimento pessoal. O tipo de conhecimento e o nível de desenvolvimento de alguém que fez cem milhões de dólares é diferente de uma pessoa que fez dez mil dólares. O foco não pode ser correr atrás do dinheiro, mas deve ser no crescimento pessoal. Uma vez que você cresce como pessoa, o dinheiro não terá outra alternativa a não ser acompanhar o nível do lugar onde você está. Seu resultado financeiro é um subproduto do seu desenvolvimento pessoal. E por último e muito importante, aprender a visualizar onde você pretende estar daqui a cinco anos. Uma vez que essa visão está definida, é preciso se perguntar se as decisões que você está tomando hoje estão contribuindo para que você chegue no seu destino, se estão alinhadas com o seu propósito e se vão te ajudar a chegar mais próximo daquilo que você almeja.

Airbnb Business

  • – Comecei o negócio 24 meses atrás;
  • – 63 Propriedades – futuramente de 2 milhões em 2019;
  • – Sem comprar uma única propriedade.

Tax Lien / Tax Deed business

  • – Mais de 1000 negócios realizados em 11anos;
  • – Propriedade mais barata adquirida $31.82 centavos;
  • – Melhor Estudo de caso Propriedade Avaliada em 1.5 milhão de dólares adquirida por $6342.79;

Educational business

Palestrante em 4 países em 3 línguas. Já trabalhou com Robert Kyosaky, T Harv Ecker, Rock Thomas, Tonny Robins, entre outros grandes palestrantes.

  • Facebook
  • marcosjacoberofficial/
  • Instagram
  • marcosjacoberportuguese
  • Website
  • marcosjacober.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>