bem estar bacterias antigas (1)

Bactérias amigas

Presentes em alguns alimentos, os probióticos ajudam na saúde do nosso corpo

Você já deve ter ouvido falar deles, os probióticos! Mas se você ainda não sabia, eles estão dentro de nós e são bactérias que compõem a nossa flora intestinal. E de forma muito importante, eles executam inúmeras funções dentro do corpo. Quer saber mais? Confira uma bate-papo com a nutricionista Maria Eliza Contri!

Alô Você Magazine: O que são probióticos?
Maria Eliza Contri: Probióticos são um conjunto de bactérias de boa qualidade que compõem a flora intestinal ou microbiota intestinal. Quando consumidos em quantidades adequadas e regulares elas proporcionam benefícios para o corpo todo.

bem estar bacterias antigas (2)

A.V.M.: Quais os benefícios dele para a saúde?
M.E.C.: Um dos maiores beneficiados pelo consumo regular de probióticos é o intestino, pois é onde permanecem os microrganismos ingeridos. Além disso, ajuda no processo de digestão e podem impedir a constipação, ajudando a prevenir doenças intestinais, como diarreia e doença intestinal inflamatória. Estudos mostram que um intestino regulado e em bom funcionamento leva a uma melhora na manutenção do peso. Outros benefícios são os efeitos ligados ao cérebro, já que intestino e cérebro estão super interligados, pois 90% do hormônio serotonina (ligado a sensação de bem-estar) é produzido no intestino. Assim, o equilíbrio intestinal promovido pelo consumo de probióticos reduz as inflamações sistêmicas que podem iniciar as doenças neurológicas degenerativas, como Alzheimer. Um estudo publicado no Frontiers in Neuroscience mostrou que os probióticos podem retardar o declínio cognitivo e a progressão da doença. Além de mostrar melhora em estados de estresse e ansiedade, melhorando o humor.

A.V.M.:Qual a forma correta de usá-los?
M.E.C.: Não temos uma forma correta de usá-los. A quantidade recomendada seria de 80ml de probióticos duas vezes ao dia. Hoje em dia conseguimos encontrar eles de diferentes formas, como em leites fermentados, iogurtes ricos em probióticos, Kefir, Kombucha e até mesmo em cápsulas, comprimidos ou sachês. Devemos apenas priorizar as formas com menor teor de gordura para consumi-los.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>